quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Cassação de Dilma será nesta quarta (31/08)

O plenário do Senado Federal vai votar a cassação de Dilma nesta tarde de quarta-feira (31/08). Os senadores agora ao meio dia discutem a perda dos direitos políticos da Presidente afastada.

Estima-se que Dilma será cassada por 61 dos 81 senadores, segundo o especialista em placar no Congresso, Ministro Eliseu Padilha. 

O número de senadores a favor pode chegar ao número 63, dependerá das surpresas. 

Fichas-suja


Pela segunda vez, PMDB conquista a Presidência sem o batismo das urnas


O PMDB demonstrou que um raio cai duas vezes no mesmo lugar. Pela segunda vez em três décadas, o partido chega à Presidência da República sem passar pela pia batismal das urnas. Em 1985, prevaleceu com Tancredo Neves na eleição indireta do Colégio Eleitoral. Decorridos 31 anos, vai ao trono com Michel Temer graças à vontade dos senadores que decidiram encurtar o mandato de Dilma Rousseff.

Na certidão de nascimento, o PMDB era apenas MDB. Veio à luz em 1966, quando o governo militar decidiu dissolver a penca de partidos e autorizar o funcionamento de apenas dois —um a favor e outro contra. Em 50 anos de existência, a legenda disputou a Presidência da República em eleições diretas apenas duas vezes.
Numa, em 1989, Ulysses Guimarães amealhou irrisórios 4,7% dos votos válidos. Noutra, em 1994, Orestes Quércia arrebanhou ínfimos 4,4%. Desde então, o PMDB é prisioneiro de um paradoxo: maior partido do país, optara por ser subalterno. Há mais de duas décadas que não lança um candidato à Presidência da República. Virou sócio minoritário de presidências do PSDB e do PT.
No início do seu segundo mandato, Dilma encantou-se com um conselho do petista Aloizio Mercadante. Encomendou a dois ministros —Gilberto Kassab (Cidades) e Cid Gomes (Educação)— a costura de uma nova maioria congressual que não fosse tão dependente do PMDB. E instigou o deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP) a disputar o comando da Câmara com Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Deu no que deu.
Especializada numa modalidade pessoal de esporte, o tiro ao pé, Dilma inaugurou um novo sistema de governo: o presidencialismo sem presidente. Como poder vazio é algo que não existe, Eduardo Cunha ocupou os espaços. E a pupila de Lula foi apresentada a uma fatalidade histórica: no Brasil pós-redemocratização, sempre que um presidente achou que poderia engolir o PMDB, foi mastigado.
Quando joga a favor, a legenda fornece estabilidade congressual. Contra, vira uma força desestabilizadora. Temer virou presidente interino. Mercadante foi ao olho da rua. Kassab traiu Dilma, demitiu-se do ministério, jogou o seu PSD na trincheira do impeachment e voltou à Esplanada sob Temer. Cid Gomes virou pó bem antes, em março de 2015, numa queda de braço com Eduardo Cunha.
“…Sei que a senhora não tem confiança em mim e no PMDB, hoje, e não terá amanhã. Lamento, mas esta é a minha convicção”, anotou Temer em sua carta. Escrita em dezembro de 2015, essa carta funcionou como um spray de gasolina na fogueira do impedimento. Em oito meses, o PMDB triturou a presidência de Dilma. É golpe, gritam o PT e seus súditos. É o remédio constitucional, respondem Temer e Cia..

Há 19 anos morria Diana Frances Spencer, a Lady Di


Verbas de alfabetização são suspensas no Estado

Trata-se do Programa Brasil Alfabetizado, que está paralisado em cerca de 84%, por falta de verba às prefeituras. 

O MEC está anunciando, que vai retomar o programa em novembro.

Apagão atinge mais de 1 milhão de consumidores no CE

Consumidores do Ceará e de mais 11 estados tiveram, ontem, cortes parciais de energia elétrica. No Ceará, o desligamento automático determinado pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), em conjunto com as distribuidoras, deixou mais de um milhão de consumidores sem energia elétrica por mais de meia hora. Alguns bairros de Fortaleza, municípios da Região Metropolitana e cidades do Interior. 

 Segundo informações da Companhia de energia no Tocantins (Energisa), o problema foi causado por queimadas próximas à rede. O ONS informou que 12 estados tiveram o fornecimento prejudicado e que o desligamento parcial foi uma ação necessária para reequilibrar o sistema interligado.

terça-feira, 30 de agosto de 2016

Agenda do candidato a Prefeito de Ipueiras Júnior do Titico

Nesta terça-feira (30/08) a agenda de visitas do mesmo é em Arroz, Corte Branco e Floresta. 

Croatá: programa eleitoral dos candidatos a prefeito desta segunda-feira (29/08)

Se você não escutou o programa eleitoral dos candidatos a prefeito de Croatá nesta segunda-feira (29/08), clique nos links abaixo, baixe e escute.





Guaraciaba: Escola Monsenhor Antonino faz entrevista para professores

A Escola Monsenhor Antonino de Guaraciaba do Norte está com inscrições abertas para processo seletivo de entrevista e currículo nas disciplinas I Filosofia II. Língua Portuguesa III. Língua Inglesa IV. Língua Espanhola V. Artes.

O processo acontece nos dias 30, 31/08 e 01 de setembro. Se você é formado nestas áreas e está sem lotação, aproveite. 


Croatá é município eficiente na gestão pública, está em 1º lugar na Serra diz estudo promovido pelo jornal Folha de São Paulo


O Jornal Folha de São Paulo fez uma pesquisa em todo o pais sobre o ranking dos municípios mais eficientes. De um total de 5.281 municípios,  Croatá ficou na 667ª posição e foi considerado um município de Gestão eficiente, pois sua nota foi 0,552.  Somente 24% dos municípios foram considerados eficientes, que são os que possuem nota acima de 0,5. Eles avaliam o recurso gasto e os resultados obtidos, que no caso, Croatá sendo um município pobre e com poucos recursos foi considerado que realiza um ótimo serviço.

Como se pode observar, dos 3 itens avaliados - Educação, Saúde e saneamento, a melhor nota é para Educação 0,631, seguido de Saúde com 0,547  e seguido de saneamento, com 0,575. Este indicador coincide com o índice Firjan, que em fevereiro julgou Croatá com nota muito boa na saúde. No caso, eles avaliam a gestão com poucos recursos e a oferta dos serviços. 

Colocando-se os 5.281 municípios a maioria (71%) não são eficientes, e 5% ineficientes. Croatá é dos 1.267 considerados com boa gestão.

O Ranking de Eficiência dos Municípios - Folha leva em conta indicadores de saúde, educação e saneamento para calcular a eficiência da gestão e apresenta dados de 5.281 municípios, ou 95% do total de 5.569.

Na Serra da Ibiapaba, Croatá está com a melhor nota no ranking em termos de administração eficiente, 1º lugar geral.  Está em primeiríssimo lugar, desbancando até Viçosa, que até pouco tempo era a menina dos olhos. 


Numa escala de 0 a 1, só 24% das cidades ultrapassam 0,50 e, por isso, podem ser consideradas eficientes. Pesquisa nacional do Datafolha mostra que só 26% dos brasileiros aprovam a gestão de suas prefeituras. 

A matéria foi publicada nesta segunda-feira (29/08) e você pode lê-la completa clicando aqui. Pode também consultar a posição de seu município, clicando aqui.

Sem condições, diz Eunício

O senador Eunício Oliveira (PMD) não questionou Dilma. Na sua ótica, “ela perdeu a condição de governabilidade”. Sem essa condição, diz ele, “Getúlio, Jango e Collor caíram”.

Cuidado: ficha-suja


Interior ganhará quatro delegacias 24 horas

Serão implantadas em Quixadá, Iguatu, Crato e Crateús, de maneira a abranger todo o Estado onde existem maiores índices de criminalidade. 

Galego corajoso

O Senador Tasso disse que era contra esse negócio de dar aumento pro pessoal do Judiciário. Diante de 12 milhões de desempregados no País, pra ele isso não faz sentido.

Diz o Bonitão...
Aumento dos salários dos Ministro do STF leva a aumentos de salários de todo mundo, incluindo até coronéis da Polícia.Pega,segundo o Bonitão, do goleiro ao ponta esquerda.

Detran deixa de multar quem não usa farol baixo em CEs em área urbana

A aplicação de multas para condutores que não usarem o farol baixo aceso em rodovias estaduais em áreas urbanas foi substituída por advertências. A A medida segue por prazo indeterminado e vale para todas as cidades do Ceará.
 Conforme o Detran, fora dos perímetros urbanos das rodovias, a fiscalização continua “dentro da normalidade, com aplicação de multa para quem não acender os faróis, em luz baixa, durante o dia e a noite”. Conforme a legislação, a multa é de R$ 85,13 e gera perda de 4 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).
Ainda conforme o Detran-CE, as multas emitidas desde o início da lei número 13.290/2016, publicada no último dia 24 de maio, serão convertidas em advertência por escrito para condutores não reincidentes na infração. 

Seduc recua e pede suspensão de investigação de estudantes que ocupavam escolas

O titular da Secretaria Estadual da Educação (Seduc), Antônio Idilvan de Lima Alencar, encaminhou ofício, recebido na tarde desta segunda-feira, 29, à Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), solicitando a suspensão das apurações contra os estudantes.  

A Polícia Civil, por meio de nota, afirmou que "procedimentos policiais relacionados à ações de natureza pública não podem ser arquivados, em sede de Delegacia de Polícia, por solicitação da vítima ou do representante desta".  E conclui informando que os procedimentos policiais são encaminhados ao Ministério Público "que pode requerer diligências, dá prosseguimento à ação ou solicitar arquivamento". A SSPD não detalhou quando o inquérito policial será concluído.   
Com o fim das ocupações, que duraram cerca de três meses, 320 alunos foram citados em processos que investigavam supostos danos ao patrimônio nas escolas ocupadas. (O Povo)

Professores estaduais negociam fim de greve com governo nesta segunda-feira

Os representantes dos sindicatos dos professores das Universidades Estaduais se reuniram com a vice-governadora, Izolda Cela, e o secretário da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece), Inácio Arruda, para tratar do reajuste salarial da categoria. 

O encontro aconteceu no Palácio Iracema, às 11h. Os sindicatos abordaram a falta de reajuste do salário dos professores concursados, a equiparação da remuneração dos professores substitutos e a falta de concurso para atender a demanda das universidades. A categoria propôs ao governo a criação de um Grupo de Trabalho para agilizar a negociação entre os professores e o governo.

Neste encontro, as demandas da Uece foram priorizadas. As da UVA serão abordadas na noite desta segunda-feira, 30. Já em relação à Urca, o governo informou que será atendida em breve, mas não determinou uma data. A greve dos professores das universidades públicas estaduais dura mais de 100 dias. Desde então, as atividades acadêmicas estão paralisadas até o fechamento de uma negociação. Redação O POVO Online